Nova York ou Nova Iorque?

Escrever em português nomes de locais originalmente em língua estrangeira deve obedecer ao bom senso. Afinal, ninguém chama a capital argentina de “Bons Ares” ou o centro financeiro do ocidente de “Rua do Muro”. Falaremos sempre de “Buenos Aires” e “Wall Street”.

PORTUGUÊS 12-30

Por outro lado, muitas localidades têm seus nomes adaptados à língua portuguesa. Por isso, ninguém vai dizer que quer visitar “London”, mas “Londres”. Formas consagradas pelo uso e a história merecem nosso respeito.

Há casos, porém, em que vemos mais de uma forma sendo usada, como ocorre com a cidade e o estado norte-americano de New York: “Nova Iorque” e “Nova York”. Mas qual a forma correta? Continuar lendo

Anúncios

20 Posts Mais Populares em 2016

No ar desde fevereiro de 2016, nosso blog Português em 30 segundos publicou 59 posts e recebeu 3.269 visitantes nesse período.

pexels-photo-1

Estes foram os 20 posts mais lidos em 2016:

20. Entitulado ou intitulado?

19. Mesóclise presidencial?

18. Ex-tudo

17. Dica de revisão #1: saia do modo zumbi

16. Paraolimpíadas ou paralimpíadas?

15. A favor da crase!

14. Senão, se não

13. Atenciosamente. SQN

12. Onde, aonde

11. 1,2 milhão ou 1,2 milhões?

10. A nível de, em nível de

Continuar lendo

A ver ou haver?

Qual das frases abaixo lhe parece correta?

  • Isso tem tudo a ver comigo.
  • Isso tem tudo haver comigo.
a ver ou haver

Gatos têm a ver com preguiça. E invasão de camas.

Quando dizemos que algo tem relação ou semelhança com outra (ou com alguém), usamos a ver. A frase correta, portanto, é

  • Isso tem tudo a ver comigo.

Palavras têm história

Palavras também têm história. Em alguns casos, ela é bem recente.

telefonePara muitos de nós, por exemplo, é fácil entender por que ainda usamos o verbo “discar” no sentido de ligar para um número telefônico, mesmo que há muito tempo já não façamos movimentos circulares com o dedo no telefone.

O estudo da história das palavras, sua origem e evolução, é chamado de etimologia.

Mandado e mandato

As duas palavras, tão frequentes no noticiário, são facilmente confundidas. Mas cuidado: elas têm significados totalmente diferentes.

pexels-photo

O que é mandado?

É uma ordem escrita, emitida por uma autoridade judicial ou administrativa. Por exemplo:

  • mandado de prisão;
  • mandado de segurança;
  • mandado de busca e apreensão.

Veja um exemplo em que o jornalista trocou as bolas:

  • [O] pastor e marido de Bianca Toledo foi preso (…) em cumprimento a um mandato de prisão temporária (..) [1].

O que é mandato?

É o poder concedido a um político eleito para determinado cargo. Por exemplo:

  • mandato presidencial;
  • mandato de governador;
  • mandato de deputado.

Veja estas frases corretas:

  • Eduardo Cunha vive as últimas horas do mandato de deputado [2];
  • Obama cobra da Venezuela respeito a referendo sobre mandato de Maduro [3].

 

90% querem

Como usar porcentagem sem errar na gramática

O uso de porcentagem pode trazer algumas dúvidas na hora de falar e escrever. Como regra geral, o verbo concorda com o elemento que estiver mais próximo.

Quando a porcentagem é seguida imediatamente pelo verbo, o verbo concorda com o número:

  • Apenas 1% está de acordo com a proposta;
  • Cerca de 2% recusaram a oferta.

Quando a porcentagem é seguida de um substantivo, o verbo deve concordar com o substantivo:

  • 35% dos entrevistados foram selecionados;
  • Mais de 50% do eleitorado aprova o projeto.

Continuar lendo