Há um ano atrás?

Para evitar a repetição desnecessária de uma ideia, não devemos usar haveratrás na mesma frase, quando ambas as palavras indicarem passado.

Obviamente, é muito comum falarmos ou escrevermos frases como esta:

  • Ela esteve aqui um ano atrás.
pexels-photo-91947

“Pior do que café frio, só um pleonasmo”, disse ela.

Para uma frase mais elegante, porém, podemos simplesmente eliminar ou eliminar atrás:

  • Ela esteve aqui um ano atrás;
  • Ela esteve aqui um ano.

Na fala cotidiana, é comum esse tipo de redundância na mesma frase, chamada em gramatiquês de pleonasmo.

Veja alguns outros exemplos clássicos de pleonasmo:

  • adiar para depois;
  • encarar de frente;
  • sair para fora;
  • subir para cima.

Outra construção redundante a ser evitada, especialmente na linguagem escrita e mais formal, é já não mais.


Buscando um revisor profissional? Contate-me aqui.